Eliminatórias Sul-Americanas: duelo entre Argentina e Peru deixará uma das seleções com um pé na Copa

Por

APOSTE AGORA

 

Falta muito pouco para a definição dos classificados para a Copa do Mundo de 2018 pelas Eliminatórias Sul-Americanas. A disputa está emocionante. Com exceção do Brasil, que disparou na dianteira e se garantiu com bastante antecedência, e das lanternas Bolivia e Venezuela, todos ainda têm chances, e travarão duelos acirradíssimos nas duas partidas que restam.

Neste contexto, chama a atenção a situação da Argentina. Os bicampeões mundiais ocupam hoje a quinta posição, estão na zona da repescagem, e na próxima quinta-feira (05) recebem o Peru, que soma os mesmos vinte e quatro pontos, mas aparece um degrau acima na tabela por ter um número maior de gols marcados. Um resultado positivo colocará os Hermanos com um pé na Rússia, já que na rodada final enfrentarão uma seleção equatoriana que provavelmente já estará eliminada. Entretanto, um eventual tropeço deixará sua situação bastante complicada, sobretudo se Paraguai e Chile vencerem suas partidas.

Os paraguaios jogarão fora de casa contra  a Colômbia, terceira colocada na tabela . A missão dos chilenos também será bem difícil, os Rojos recebem o Equador, e se não vencerem darão adeus ao sonho de classificação. Completam a rodada os jogos entre Bolivia e Brasil, na altitude de La Paz, e Venezuela e Uruguai, que pode deixar a classificação da Celeste bem encaminhada. 

Confira as cotas Bumbet e os prognósticos para a décima sétima rodada.

Argentina conta com a mística da Bombonera para vencer o Peru

Dentre todas as seleções que entrarão em campo na próxima quinta-feira, nenhuma estará mais pressionada do que a Argentina. Os bicampeões mundiais fizeram uma campanha bastante irregular na competição, e graças aos tropeços nas últimas três rodadas chegaram a esta incômoda situação em um momento crucial.

 Agora, só resta a Messi e companhia voltarem a trilhar o caminho das vitórias. Caso conquistem os três pontos contra os peruanos, de cara, já deixarão pra trás um adversário direto, além de entrarem no seleto grupo dos quatro classificados.

No melhor dos cenários, com um empate entre Chile e Equador, e vitória da Colômbia sobre o Paraguai, chegarão à rodada final com a vaga praticamente assegurada. Caso os paraguaios vençam os colombianos os argentinos poderão até terminar a rodada em terceiro, mas terão um concorrente a mais por uma das quatro primeiras posições.

Se tudo der errado, os argentinos perderem, e chilenos e paraguaios vencerem, o time de Jorge Sampaoli chegará à última rodada na sexta posição, e não dependerá apenas de si para obter a classificação, mas torcedor nenhum cogita esta possibilidade.

Os ingressos disponibilizados para a partida do La Bombonera viraram objeto de disputa nos últimos dias, e os quarenta e nove mil lugares do estádio estarão ocupados por torcedores apaixonados, que empurrarão sua seleção do início ao fim.

O time terá um desfalque importante no ataque. O craque do Manchester City Sergio Aguero envolveu-se em um acidente automobilistico na Holanda e quebrou uma costela. O tempo de recuperação será de cerca de dois meses, o que significa que a Argentina terá que se virar sem ele até o fim das eliminatórias. Messi, Icardi e Dybala vão para o jogo.

O favoritismo dos argentinos é enorme. Caso os anfitriões conquistem os três pontos, o apostador terá um lucro de 23%. Se liderarem os dois tempos o retorno será um pouco maior, 61%. Acredito em uma vitória apertada, pela contagem mínima, que pagará R$ 6,76 para cada real para quem apostar no resultado correto.

Peruanos estão invictos há quatro jogos

A boa seleção do Peru não deverá facilitar a vida dos argentinos. O time ainda não perdeu esse ano, e nas últimas quatro partidas pelas eliminatórias conquistou dez pontos. Depois da derrota para o Brasil, engatou na sequência um empate fora de casa contra a Venezuela, e três vitórias contra Uruguai, Bolivia e Equador, este último como visitante.

Os destaques da equipe são bem conhecidos pela torcida brasileira. O meia do São Paulo Cuevas foi o melhor em campo nos dois últimos jogos, marcou um golaço contra a Bolivia e deu a assistência para o gol decisivo contra o Equador. A referência no ataque e grande esperança de gols é o flamenguista Guerrero.

De acordo com as cotas do Bumbet, uma vitória dos visitantes pagará excelentes R$ 11,61 para cada real apostado. Na opção que não contempla o empate o lucro será um pouco mais baixo, R$ 8,07, mas os riscos também são menores. Os três últimos jogos do Peru terminaram 2x1, e caso este placar se repita o apostador receberá trinta e uma vezes o valor investido.

Brasil, Uruguai, Chile e Colômbia são favoritos em seus jogos

O jogo entre Bolivia e Brasil servirá apenas para cumprir tabela. Os brasileiros estão classificados e os bolivianos já não têm chances de ir à Copa. O técnico Tite poderá aproveitar para fazer testes. Uma vitória do escrete canarinho proporcionará um lucro de 92%. Se os anfitriões levarem a melhor o rendimento será de R$ 3,02 por real apostado, e o empate pagará R$ 2,53.

Mesmo jogando fora de casa, o Uruguai tem tudo para vencer a Venezuela e praticamente se garantir no Mundial. Os anfitriões só ganharam uma partida em toda a competição, e já não têm qualquer ambição. Segundo as cotas do Bumbet, se Suárez e companhia levarem a melhor o apostador terá um lucro de 68%. Se der empate, o retorno será de R$ 2,80 por cada real, mas em caso de vitória dos venezuelanos o valor subirá para R$ 4,20.

O Chile espera se aproveitar da crise na seleção equatoriana para conquistar três pontos fundamentais em sua luta para ficar com uma das vagas. O técnico Gustavo Quinteros foi demitido, e o atacante Caicedo, artilheiro do Equador nas eliminatórias, abandonou a seleção. Quem perder estará eliminado. Uma vitória chilena pagará R$ 0,39 por real apostado, mas se der Equador o investidor embolsará R$ 6,95.

No duelo entre Colômbia e Paraguai, os anfitriões são amplamente favoritos. Invicto há quatro jogos, o time de José Pékerman poderá chegar aos vinte e nove pontos e se garantir ao menos na repescagem. Uma vitória colombiana dará um retorno de 42%, mas se os paraguaios triunfarem o lucro será de R$ 7,35 por cada real.

 Jogos da rodada:

05/08 – 17:00 – Bolivia (R$ 4,02) x Brasil (R$ 1,92) Empate (R$ 3,53)

05/08 – 18:00 – Venezuela (R$ 5,20) x Uruguai (R$ 1,68) Empate (R$ 3,80)

05/08 – 20:30 – Argentina (R$ 1,23) x Peru (R$ 12,59) Empate (R$ 6,34)

05/08 – 20:30 – Chile (R$ 1,39) x Equador (R$ 7,95) Empate (R$ 4,86)

05/08 – 20:30 – Colômbia (R$ 1,42) x Paraguai (R$ 8,35) Empate (R$ 4,32)

Para apostar em outros esportes, clique aqui.

 

Conheça nossas promoções.

 

Ainda não tem conta no Bumbet? Cadastre-se agora e viva momentos únicos apostando em seus esportes favoritos, com até R$ 450 em bônus.

CADASTRE-SE